Sobre pintar mais de uma parede

Eu me arrisco a dizer aqui que TODO MUNDO, tipo, GERAL, quando pensa em colocar uma cor na parede de casa pensa em pintar 1 parede apenas. E digo mais: que assim fazem. É comum encarregarmos a um único pedaço de um espaço todo, a alegria da cor.

Pois é exatamente para isso que eu queria atentar vocês, para o todo. Nossa casa é um todo, e um todo até bem complexo, certo? Quando moramos, queremos estar em todos os cômodos, queremos enxergar a nós mesmos em todos os cantos, detalhes, quadros, tudo. Quando os amigos vem, queremos que eles nos vejam através da história que contamos no nosso lar. Por isso a importância de se ter continuidade, aquilo que faz a gente estender o tapete da nossa história por toda a nossa casa.

Continuidade é o que temos que ter em mente.

Posto isso, que tal continuar com o rolo de pintar para além daquele ângulo de 90 graus e cobrir a parede vizinha também?

Quando criamos este “L” nas paredes, com uma mesma cor, estamos prolongando uma sensação, estamos continuando aquele clima que ela traz para o ambiente e, o mais legal, criamos a sensação de amplidão. O espaço continua, ele não acaba onde aquela parede acaba, ele se vai – que poético!

Pintar somente 1 parede é como se você estivesse lendo uma linha no texto de uma página de livro em que, ao final dela, o texto também acabasse, incompleto. Quando pintamos uma parede a mais, estendemos essa leitura, ampliamos o visual que ela favorece. A história continua.

Encontrei nas páginas da revista Covet Garden um exemplo disso, e um pouco mais. O cinza, cor escolhida, se estende por quase toda a morada.

pintar-mais-de-uma-parede

Poderia ter ficado só ali, atrás da mesa de jantar, mas o cinza continua lá na janelinha. Ele integra as coisas, os móveis, em vez de recortar e destacar só um pedaço da sala.

pintar-mais-de-uma-parede2

O cinza também contorna vigas e acompanha a geometria do forro.

pintar-mais-de-uma-parede3 pintar-mais-de-uma-parede6Repare que lá por trás dos armários da cozinha, o cinza continua seu caminho.

pintar-mais-de-uma-parede5

No ateliê também.

pintar-mais-de-uma-parede7

Quase que passa despercebido nesta foto, mas o cinza está lá no fundo, na parede da escada também. E notem que optaram por deixar a cortina no mesmo tom.

Embora eu não seja a favor de determinadas cores em paredes – todo mundo tem as suas preferidas, né – eu acredito, no fundo do coração, que não há cor que fique ruim. O que acontece é que elas são mal empregadas. Ficam solitárias naquele quadrado, querendo se expandir para algum outro ponto.

Claro que o entorno ajuda, o rodapé, os móveis, os quadros. Mas experimente dar a sua cor um pouco mais de espaço e você vai ver o espaço que ela vai te dar 😉

Fotos: Reprodução / Donna Griffith

3 ideias sobre “Sobre pintar mais de uma parede

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *