Quando tomar chá faz bem pra decoração

Quando li esta frase do Goethe pensei que ela tinha tudo a ver com o momento de começar o dia. Sabe, como um lembrete de que a gente pode tentar fazer aquele novo dia ser agradável. E tudo a ver, também, com a hora de dormir, aquele momento em que não reviver as emoções – perrengues – do dia é um verdadeiro desafio, e pensar em coisas boas e desacelerar parece apenas um sonho distante.

Dessa forma, decidi que a frase deveria ficar no meu criado mudo. Então peguei a tesoura, cortei a tag do barbante do saquinho de chá e coloquei a frase em um mini porta-retrato que eu tinha. Não entendeu a relação do chá com a frase? É que ela estava impressa na tag do saquinho de chá. E foi a partir daí que eu comecei a colecionar esses cartõezinhos, com frases de inspiração e também ilustrações fofas. E de coleção ela passou para decoração. Espalhei os cartõezinhos por alguns cantos da casa, como o bar de chá e as mesinhas de cabeceira.

Ali, no porta-retrato, a frase do Goethe que estava na primeira tag que veio até mim – destino? acaso? – e que despertou a vontade de colecionar estas pequenices. 

Mais uma tag de chá, somente com ilustração, que fica na outra mesinha de cabeceira. Fiz questão de deixar o barbante pra dar aquela cara de souvenir, de algo reaproveitado mesmo, de criatividade, de “eu dou um jeito, eu invento as minhas coisas”.

Bar de chá e café e drinques, tudo junto e misturado. Mas o chá é o rei desse pedaço. Tomo chá desde a infância. Tomava mais chá que o leite materno da Juçára 🙂 .

Mais itens da coleção, que eu uso pra substituir os que já estão nos porta-retratos. O negócio é fazer girar esse negócio.

É sempre uma boa ideia mesmo.

Se você também coleciona coisas que nunca alguém achou que eram colecionáveis, conta aí nos comentários, não me deixa sozinha nessa.

Fotos: Juciéli Botton para Casa Baunilha

2 ideias sobre “Quando tomar chá faz bem pra decoração

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *