Quarto de criança: um universo particular

Em homenagem ao Dia da Criança, a Casa Baunilha selecionou quartos infantis que dão até vontade da gente ficar morando neles. Elas merecem um espaço especial, onde possam descansar, aprender, brincar, se divertir, criar, sonhar, imaginar.

Tem desde aquele quartinho despreocupado, que não teve uma decoração planejada, que, particularmente, eu acho mais interessante e mais aconchegante, e também tem os espaços em que a decoração foi, como diria o Chapolin, friamente calculada.

1. Este quartinho é o que eu chamei de despreocupado. Com o que você já tem, a decoração está feita. Os brinquedos, as coisas das crianças já são tão coloridas e lindas, que criam um décor sem muito esforço. Basta organizá-las de forma harmônica.

casa-baunilha-kid1

As estrelinhas na parede podem ser aplicações de papel, adesivo ou Continuar lendo

Do gesso à ferrugem, de volta às origens: um olhar sobre nosso estilo de vida

Eu simplesmente fazia um post sobre a aparência da passagem do tempo na decoração, dos móveis gastos, das falhas nas superfícies e quando me dei conta, a questão ia muito mais além do que texturas. Comecei a pensar em como vivemos a vida hoje.

capa-casa-baunilha

Parece que ou a gente não sabe pra onde ir, ou não consegue mais criar, e então voltamos às origens, aos clássicos e buscamos aquilo que está mais Continuar lendo

Nosso espaço, nossa vida

casa baunilha espaco11

Nossa relação com o espaço é completamente sensorial e cognitiva. Precisamos vivenciar e sentir pra saber qual é.

Peraí, já explico.

Meu namorado viveu a vida inteira em uma casa, no nível do mar como costumo dizer, e enorme. Já eu, sempre em apartamento. Quando ele vinha visitar aqui em Porto Alegre, no JK que dividia com minha irmã e minha prima Continuar lendo

Cabeceira, a rainha do pedaço

Este Conjunto da Obra está especial. Ilustração suave de montanhas na parede, mesinha/criado-mudo descoladérrima, arranjo verdinho com direito a galho e, a estrela do conjunto, a cabeceira de madeira com seus ornamentos muy ricos. Amei tudo.

decorar_con_ciencia_407819780_905x1200Em lojas de móveis usados podemos encontrar somente as cabeceiras separadas para vender. Quem tem cama box pode Continuar lendo

Faça em casa: textura de poás dourados na parede

Mais uma ideia para decorar o quarto. E esta é brilhante, literalmente! Poás dourados reluzindo na parede. Podem ser criados tanto com molde e tinta spray metalizada quanto com papel alumínio dourado. Funciona como um padrão de papel de parede.

ouroAdorei a textura da colcha e a combinação das estampas das almofadas. E reparem Continuar lendo

O quarto da Lívia

A Lívia é a minha afilhada, 5 aninhos. Enquanto fazíamos os ninhos para esperar o coelhinho na páscoa, ela graciosamente virava as páginas de uma revista de decoração para me mostrar as ideias que ela mesma tinha selecionado para o seu novo quartinho. Maravilhada, apontava as camas em forma de casinha de boneca e carruagem. Pois é, referência às princesas não pode faltar. E eu sempre penso nela quando procuro ou encontro ideias para quartos de criança.

Achei este uma graça pois apresenta sua cor favorita, o rosa, combinada com toques de amarelo e azul. E o mais legal é que algumas peças deste quartinho foram reaproveitadas, ganhando pintura e estofamento novos.

Girl-AFTER-FullGirl-AFTER-Bed-CloserA cabeceira da cama foi adquirida em loja de usados e ganhou Continuar lendo

Segredos de penteadeira

Oi pessoal! Quero dividir com vocês uma mania que adquiri: descansar bijus e jóias em recipientes de louça. Além de exibirem formas dignas de contemplação e adoração, guardam peças favoritas e ainda ornam a penteadeira (viajei no tempo agora, eim?).

Tudo começou com uma adoração por louça em geral, que depois virou uma obsessão, que virou uma vontade louca de colecionar bibelôs de louça bregas, e cá estamos com esta nova possibilidade. E dá muito certo. Você pode experimentar com maquiagem e acessórios de cabelo também.

bijus1Um suporte de algodão daqueles conjuntos para banheiro sustenta os pincéis e lápis de maquiagem. Me encantou pelas facetas geométricas. O porta-anel em forma de flor Continuar lendo