Antes e depois: Fruteira metaleira dos sonhos

Ano passado, enquanto entregava minhas doações em um centro de arrecadação e distribuição, vi uma das partes de uma fruteira, daquelas que ficam suspensas, atirada em um canto. Mas era visível seu potencial. Estava inteira, todas as hastes firmes e ainda soldadas. Não pensei duas vezes. Quando perguntei quanto os guris do centro queriam por ela, me deram de presente, já que eu estava sempre ali fazendo doações. Minha reação foi tipo: feliz que nem pinto no lixo.

Cheguei em casa sapateando, querendo restaurar e ter logo minha Continuar lendo

3 mesas decoradas para o Natal com apenas o que eu tinha em casa

A minha casa não costuma ser a anfitriã da ceia de Natal da minha família. Sempre nos juntamos numa casa maior pra caber todos, claro. Ou seja, dá pra concluir que não possuo um grande aparelho de jantar ou louças em grande quantidade para servir comida a um batalhão. Mesmo assim, fiquei pensando como poderia criar uma mesa decorada para a ceia de Natal apenas com a louça que tenho em casa, além dos elementos naturais que encontrei na rua. Afinal, fica muito mais bonito e rico misturar as peças.

O resultado não foi uma, mas três decorações de mesa para uma ceia sem muitas afetações. No stress, abra seu armário e divirta-se.

MESA NATURAL

Natureza põe mesa. Um jogo americano de trama grossa e louça inspirada no design das folhas + pinhas e cascas secas deram o clima de floresta, além dos variados tons de verde. Flores naturais são sempre bem vindas.

casabaunilha-ceia-de-natal3 Continuar lendo

DIY: Bolas de Natal flat em papel rendado

Eu lembro de todos entrarmos no carro, irmos para um pouco além da cidade, meu pai estacionar no acostamento, entrar mato adentro e sair com nossa árvore de Natal em mãos, um pinheiro de porte pequeno pra médio, lindo. Isso foi há muito tempo, claro. Uma tradição que teve de se adequar aos novos tempos quando compramos uma árvore desmontável, usada até hoje. Mas sempre vou lembrar do cheiro de natureza, de “coisa” verde invadindo o carro e depois a nossa casa. Natal após Natal, nunca havia uma árvore igual à outra.

casabaunilhaemfeite3

Inspirada na tradição, fui atrás do meu pinheirinho natural, só que de uma forma mais prática, no supermercado mesmo. E pra enfeitar, queria algo que seguisse o estilo dos DIYs já criados para este fim de ano aqui no blog, com visual artesanal e reutilizando alguns materiais, como os pacotes de presente e a guirlanda.

Então, tradição por tradição, pensei em recriar o enfeite clássico de natal, que são as bolas, só que feitas com papelão reutilizado e detalhes feitos com papel rendado Continuar lendo

DIY: Guirlanda natural e sem custo

Eu adoro trabalhar com elementos naturais. Tem verdade, frescor, natureza, vida. Me faz bem saber que não estou sendo enganada. Como o Natal acontece praticamente no auge do calor no nosso país, a decoração natalina clássica parece sufocar e esquentar o ambiente com todos os seus elementos artificiais, os pinheiros de plástico, os enfeites purpurinados, as mantas acrílicas, e também pelas cores usuais que são o verde e o vermelho escuros.

casabaunilhaguirlanda3

Pra deixar a porta de entrada do meu apartamento no clima – refrescante e de natal – optei por criar uma guirlanda com objetos que eu já tinha em casa e plantas de uma praça próxima ao prédio. Ou seja, uma guirlanda que não demandasse custos. Tenho certeza que você também Continuar lendo

DIY: Pacotes de presente artesanais

Eu adoro criar pacotes de presente diferentes e únicos. E agora, no fim de ano, fiquei pensando em como criar um pacote amigo da natureza, que fizesse a gente abandonar os plásticos muitas vezes descartados imediatamente – às vezes não tem como reaproveitar o pacote, não é mesmo? ou não é todo mundo que tem essa consciência de reutilizar. E que, além de sustentável, que ficasse fabuloso, com cara de artesanal.

pacote-presente-casa-baunilha5Tudo neste pacote que criei pode ser reutilizado. O pedaço de barbante, o papel e até o alecrim, tempero curinga da cozinha. Até mesmo a tag Continuar lendo

Horta no quintal

Passar o final de semana na casa dos meus pais é bom não só porque a gente mata a saudade e faz coisas juntos, mas também por momentos como este, de ficar mais próximo da natureza. Eu considero a horta um lugar, como eu poderia definir… sagrado. Quem cultiva, ou quem pelo menos tem algum contato com ela, entende o que eu estou dizendo. É uma relação entre ser humano e natureza muito bonita. Um acordo que diz, eu cuido bem de ti e tu cuida bem de mim também.

casa-baunilha-horta3E esta horta em particular significa muito, porque ela fica na casa dos meus avós maternos, e quem se dedica a cuidar é o vô Valmir, no auge dos seus 85 anos. É uma inspiração pra vida. É até engraçado, porque às vezes ele comenta Continuar lendo

Um brinde!

Depois deste período de limpeza energética do lar com uma sessão de descarte de coisas de magnitude 10,5 graus na escala Richter, que tal brindarmos aos recomeços, à vida nova, a uma vida mais simples?

Tô muito feliz com a repercussão dos últimos posts sobre vida simples, porque tem muitas pessoas compartilhando o desejo de viver com menos e até mandando fotos das pilhas e montes de coisas descartadas. Isso é sensacional! Eu tô amando poder contribuir com a vida das pessoas de forma positiva e significativa. A gente pode, a gente consegue!

vidros casa baunilha drink8Então que tal um brinde a tudo isso? Sabe que uma forma bacana de servir drinks e até sobremesas é usando potes de vidro daqueles de conserva mesmo? A gente não dá nada por eles, no máximo usa pra guardar Continuar lendo

Do gesso à ferrugem, de volta às origens: um olhar sobre nosso estilo de vida

Eu simplesmente fazia um post sobre a aparência da passagem do tempo na decoração, dos móveis gastos, das falhas nas superfícies e quando me dei conta, a questão ia muito mais além do que texturas. Comecei a pensar em como vivemos a vida hoje.

capa-casa-baunilha

Parece que ou a gente não sabe pra onde ir, ou não consegue mais criar, e então voltamos às origens, aos clássicos e buscamos aquilo que está mais Continuar lendo

Deixe os móveis em paz e só acrescente cores!

Acabamos de falar sobre cores, em como elas podem aquecer um ambiente amplo demais. E agora, procurando justamente por casas aconchegantes, me deparo e me apaixono à primeira vista por esta. Ela reúne boas peças de decoração, antigas, aquelas de presença, de história, e que agora resgatam o “brilho” ao lado de muitos pontos de cor.

Esta é a grande dica! Quer iluminar e alegrar sua casa? Deixe a mobília em paz, não compre nem modifique. Apenas acrescente cores!

casa baunilha cor3

Tá, vai, eu confesso. Me apaixonei foi pelo rei do pedaço.

casa baunilha cor2

E, realmente, se observarmos, os móveis antigos da casa são muito escuros. É com a pintura das paredes e no acréscimo de quadros, tapetes e Continuar lendo

Contemporâneo com perfume vintage

A apresentadora Kika Martinez abriu as portas do seu lar doce lar com décor inspirado na estética industrial, com ares bem contemporâneos mas sem perder a ternura, com muito verde, pontos de cor e sutileza vintage.

ape kika_martinez_20

Ela já morava no imóvel que, na época, tinha uma cara bem feminina, com muitos bibelôs e cores. Com a vinda do namorado para dividir o espaço, foi inevitável encontrar o equilíbrio para que os dois estilos convivessem e se apresentassem de forma harmoniosa.

ape kika_martinez_17As placas de concreto perfurado são Continuar lendo